3D e Arte Digital Coisas Legais de Saber Criatividade Curiosidades

Pinturas surreais no metrô de Nova Iorque por Matthew Grabelsky

O metrô de Nova Iorque foi o cenário escolhido por Matthew Grabelsky para a criação dessas pinturas surreais que juntam seres humanos e animais.

A cidade de Nova York, assim como São Paulo, às vezes é carinhosamente chamada de “selva de pedra”, mas para o artista norte-americano Matthew Grabelsky, é mais um grande zoológico sem gaiolas.

Usando os vagões do metrô de Nova York como cenário para seu trabalho, Grabelsky faz pinturas surreais de pessoas aparentemente normais do pescoço para baixo, mas que tiveram suas cabeças substituídas por animais selvagens e domesticados.

A origem dessas pinturas surreais

Tendo crescido em Nova York e sendo fascinado pelas imagens da mitologia grega quando criança, as pinturas de Grabelsky são uma exploração da natureza humana, e do modo como os animais representam várias partes do subconsciente humano.

Segundo ele: “Os personagens simbolizam os tipos de pensamentos que estão sob a superfície da mente das pessoas, e revelam que o mais extraordinário pode existir nas configurações mais comuns do dia a dia”.

Em 2017, ele foi chamado pelo DJ Moby para criar a capa de seu álbum.

Para conhecer mais sobre o trabalho de Grabelsky, siga-o no Instagram.

Via

Compartilhe nas redes sociais:

Deixe um Comentário