Carreira Opinião

Proatividade: a característica da nova geração

Embora seja um termo comum, a proatividade tem suas particularidades. Conheça um pouco sobre o tema para você poder avaliar se tem ou não esse perfil.

Entrar no concorrido mercado de trabalho pode ser assustador. Ainda mais se você acaba de sair da universidade e ainda não possui tanta experiência como funcionário. Mas talvez você não saiba que nem sempre é o tamanho do currículo que importa. Não é raro ver gestores de RH comentando uma contratação recente que foi bastante influenciada pelo perfil proativo do candidato. Mas o que é ser proativo? Será que essa é uma característica da nova geração?

Embora seja um termo comum e amplamente falado por aí, a proatividade tem suas particularidades e é legal conhecer um pouco sobre o tema para você poder avaliar se tem ou não esse perfil. Mesmo que não tenha, é possível desenvolver algumas das qualidades fundamentais de quem é proativo e encantar os contratantes.

O que é proatividade

Trata-se de um comportamento marcado pelo traço da antecipação. Sabe aquela pessoa que tem a habilidade de prever problemas, encontrar e propor soluções, fazer antes que seja pedido? Aquele que não espera o tempo passar, que não posterga suas atividades e que otimiza seu tempo na empresa. Essas são as marcas principais da proatividade.

Ser proativo não significa ser insubordinável

Muita gente gosta de dizer que uma pessoa proativa é difícil de gerir, que pode se tornar um problema para a empresa e ultrapassar os limites hierárquicos da instituição. Pode até ser que algumas pessoas confundam proatividade com insubordinação, mas não é o comum. O que acontece em geral é que um funcionário proativo veste mesmo a camisa da empresa, está sempre a postos para trabalhar em equipe, para sair a campo, resolver problemas e ficar até mais tarde se precisar. Em geral esse funcionário não precisa de muitos comandos, ele ouve uma vez e executa rapidamente. E isso pode assustar gestores retrógrados ou inexperientes. Mas, em regra, o mercado adora esse perfil de pessoa.

Como desenvolver as qualidades para ser proativo

Embora essa qualidade seja mais presente nas pessoas da nova geração (jovens entre 18 a 25 anos), se você acha que precisa melhorar em alguns aspectos para se tornar proativo, siga essas dicas:

1. Aprenda sobre a empresa

Ao ser contratado é interessante que você passe algumas horas lendo e estudando sobre a empresa. Diga ao seu gestor que você pretende fazer isso durante algum tempo e se possível se ele poderia acompanhar você para conhecer as acomodações, os demais setores e funcionários. Afinal, não é toda empresa que faz esse tipo de tour com os novatos. Mas conhecer o campo é fundamental para captar a cultura empresarial na qual você estará inserido.

2. Organize-se diariamente

É fundamental ter uma agenda na sua mesa onde você possa listar as atividades diárias a serem cumpridas. Categorize todas elas por grau de importância. Não liste mais do que você pode realizar e esteja sempre alinhado com as expectativas do seu gestor. No final do dia marque tudo que foi concluído e planeje o dia seguinte. Torne isso um hábito. Esse comportamento evita esquecimentos e afasta a procrastinação.

3. Antecipe-se

Esteja sempre atento ao que acontece à sua volta. Em qualquer empresa as atividades são encadeadas, de forma que o trabalho de um depende do bom trabalho do outro. É uma engrenagem. Então, esteja sempre disposto a ajudar seus colegas e fique de olho se algo sair do lugar. Se algum problema acontecer, antes de comunicar ao seu chefe, procure uma solução viável e apresente-a como opção.

4. Participe

Se couber ao seu cargo participar de reuniões, conselhos e processos de decisão procure se preparar com antecedência para levar alguma contribuição. Ideias inovadoras, propostas para economizar recursos, são sempre bem-vindas. Se pedirem sua opinião, formule uma boa resposta e não deixe de participar!

5. Esteja sempre à frente

Estar à frente não significa passar por cima dos outros. Significa dar mais do que é solicitado. Fazer melhor do que é esperado. Se esperam de você 80% de acerto, entregue 81%. No final das contas, os pontos extras contarão a seu favor. Podem até resultar em promoção!

E não se esqueça de que a proatividade não é falta de bom senso. Portanto, de tempos em tempos, verifique se suas ações estão realmente causando um impacto positivo.

Compartilhe nas redes sociais:

Deixe um Comentário