Motos e Bikes

Dicas de Pilotagem | Motocross

dica-pilotagem-largada

É claro que quando você quer se iniciar em um esporte, o mais correto é procurar um curso e praticar muito, porém, no Motocross, normalmente isso não acontece.

Por esse motivo, reproduzo abaixo as dicas dadas por Marcos Branco no portal Moto Esporte.

dica-pilotagem-curva

Moto

Para você que é iniciante, é recomendada uma moto de menor potência como as de 125cc porque elas oferecem mais “chances”, as 250cc já são mais “violentas” e qualquer erro pode levar a um tombo. Para o início não precisamos de uma moto importada (mais caras), podemos “adaptar” modelos nacionais para o motocross como a DT 200 da yamaha.

Ondulações ou costelas

É a zona da pista mais complicada do supercross ou motocross, onde normalmente se perde ou se ganha corridas. As duas maneiras mais usadas para ultrapassar esses obstáculos são:
1) Dar todo gás no motor e pular por cima delas e ir “batendo” as rodas na ponta das costelas ou,
2) Passar pelas costelas com vários minissaltos, pular em uma e quando cair pular em outra e assim em diante.

Frenagens

As frenagens das curvas é o que pode dar a você a vitória na corrida, o melhor modo de frenar é jogar o corpo bem para trás e evitar que a roda traseira saia do chão.

dica-pilotagem-curva-motocross

Curvas

Existem duas maneiras de fazer curvas. Pela parte de dentro, onde você será obrigado a fazer quando estiver defendendo a posição, bloqueando legalmente a passagem do adversário. Ou então pela parte de fora onde você tem de virar a moto sem apoiar em lugar nenhum e fazer a curva “no braço”; na hora da frenagem, a curva “por fora” requer mais técnica do que a curva “por dentro”.

Regulagens

O ideal é que você mesmo faça suas regulagens, pois é você que irá andar na moto, você que mais a conhece, ou seja, a regulagem ficará mais pessoal e a pilotagem mais agradável.

dica-pilotagem-pulo

Compartilhe nas redes sociais:

2 Comentário(s)

Deixe um Comentário