Branding Marcas e Mascotes

Carro movido a Coca-Cola?

Dez em cada dez especialistas são categóricos ao afirmar que as marcas das empresas pertencem, na realidade, aos consumidores. No mundo real, para além dos departamentos de Marketing, os consumidores fazem o que bem entendem com as marcas.

O site Mundo do Marketing fez uma rápida busca pelo Flicker para extrair cenas em que as pessoas se apropriam das 10 marcas mais valiosas do mundo segundo o ranking da Interbrand. O resultado você vê aqui.

A que eu achei mais interessante foi a do Fusca com peças customizadas com o logo da Coca-cola. Na madrugada de hoje eu fiz um post sobre o novo ranking da CoreBrand onde a Coca-cola aparece, pelo 5º ano consecutivo, como a marca que tem o maior maior reputação no mercado.

fusca-coca-cola

Hoje eu trabalho como diretor de arte em uma agência de marketing de relacionamento e atendo justamente a Coca-Cola Femsa Brasil e a Femsa Cerveja Brasil. Sei o quanto as pessoas que cuidam da marca na empresa zelam por ela e, sinceramente, não tenho uma opinião formada se atitudes como essa, ajudam ou prejudicam a marca.

O que vocês acham?

Compartilhe nas redes sociais:

3 Comentário(s)

  • Ale, tanto pode ajudar quanto pode prejudicar. Qualquer manifestação tem o mesmo peso de ELOGIOS ou CRITICAS, que vão ECOAR no mercado, onde outras pessoas vão CONCORDAR oiu DISCORDAR, dependendo do conteúdo. Os fissurados na marcas farão utilizações ELOGIOSAS que vão gerar Identificações com outros amantes das marcas, que por sua vez, vão gerar novos comentários positos e assim por diante. O contrário também é verdadeiro. São como BOATOS positivos ou negativos que vão sendo ampliados ou viralizados. Parece que muita gente busca obter seus 15 minutos de fama buscando ALAVANCAR-SE nas marcas famosas. Fazer o quê tem gente que não tem tempo para nada e tem gente que tem tempo para qualquer coisa.
    Resumindo: Pode ser bom ou pode ser ruim. Mas o fato é que essas marcas APARECEM ainda mais. As empresas detentoras dessas marcas deveriam compreender esses fenomenos e aprender a tirar partido deles para aumentar seu prestígio.
    AUGUSTO, nascimento, consultor de branding e autor do livro OS 4 ES DE MARKETING E BRANDING.

Deixe um Comentário