Motos e Bikes

Yamaha Drag Star 650

Yamaha Drag Star 650

dragstar-650-preta-lateral1

dragstar-650-preta-frente

A Yamana Drag Star 650#drag star custom oferece conforto, autonomia, estabilidade e segurança, além de um excepcional torque e robustez. Seu motor quatro tempos de dois cilindros no formato em V e potência de 40 cavalos com torques elevados, que garantem condução tranquila e excelente desempenho. Tanque com capacidade para 16 litros de combustível, suspensão traseria mono amortecida com regulagem de pré-carga e freio a disco de série na roda dianteira. Custo baixo na manutenção e durabilidade por conta da transmissão secundária por eixo cardã.

Encontramos estilo, prazer e acabamento de luxo com muitos cromados, pedaleiras avançadas e escapamento duplo caracterizando o famoso ronco das motocicletas custom.

dragstar-650-freio

dragstar-650-motor

dragstar-650-tanque

Especificações técnicas
Comprimento total – 2.340 mm
Largura total – 880 mm
Altura total – 1.065 mm
Altura do assento – 695 mm
Distância entre eixos – 1.610 mm
Altura mínima do solo – 140 mm
Peso seco – 215 Kg
Raio mínimo de giro – 3.100 mm
Motor – 4 tempos, SOHC, refrigeração a ar, 2 válvulas por cilindro.
Quantidade de cilindros – 2 cilindros
Cilindrada usual – 649 cc
Diâmetro x curso – 91 x 63 mm
Taxa de compressão – 9:1
Potência máxima – 40 cv a 6.500 rpm
Torque máximo – 5,19 kgf.m a 3.000 rpm
Sistema de partida – Elétrica
Sistema de lubrificação – Cárter úmido
Capacidade do óleo do motor – 2,6 litros
Capacidade do tanque de combustível (reserva) – 16 litros (3 litros)
Alimentação – Dois carburadores
Sistema de ignição – TCI
Bateria – 12 V x 10 Ah, selada
Transmissão primária – Engrenagens
Transmissão secundária – Cardã
Embreagem – Multidisco banhado a óleo
Câmbio – 5 velocidades, engrenamento constante
Quadro – Berço duplo
Ângulo de cáster – 27º 30′
Trail – 106 mm
Pneu dianteiro – 100/90 -19 M/C
Pneu traseiro – 170/80 -15 M/C
Freio dianteiro – Disco de 298 mm de diâmetro, acionamento hidráulico.
Freio traseiro – Tambor de 130 mm de diâmetro interno, acionamento a cabo.
Suspensão dianteira – Garfo telescópico, mola e óleo.
Suspensão traseira – Braço oscilante, (tipo link)
Curso da suspensão dianteira – 140 mm
Curso da suspensão traseira – 86 mm
Painel de Instrumentos – Velocímetro, hodômetro total e parcial, luz indicador do neutro, piscas, status do motor.
Cores – Preta e vermelha

dragstar-650-vinho-lateral1

dragstar-650-vinho-frente

Compartilhe nas redes sociais:

Incluir comentário

  • eu comprei a minha DS dia 28/03/08 e faço aniverssario dia 10/04/08 acho que não tem presente melhor que este….cara pegar uma DS zero preta é pra lá de bommmmmmmmmmmmmmmmmmmmm,e sabe onde vou busca-la na proxima sexta dia 05/04..em Itatiba SP e sou de sorocaba.bração em todos.há ja vem emplacada só não sei o numero ainda da placa.

  • Vá ter coincidência assim lá longe… ou melhor, em Sorocaba, pois veja: 1º – sou de Sorocaba, também; 2º – Fiz aniversário dia 10/04; 3º – presente escolhido e adquirido: uma Drag Star, que também foi buscada fora da cidade…

    Que coisa, não??? só preciso conhecer esse novo “dragueiro” Jarbas!!!

  • Sou do Rio de janeiro . Pow galera !!! infelismente não poderei dizer “caramba q concidência ” ,ainda não tenho uma drag , mas ainda vou consiguir uma ,bem espero !!!!!
    Eu acho essa moto muito show !!!!!!!
    Um grande abraço à todos !!!!!

  • SOU RICARDO TENHO UMA DRAG STAR BEM LOUCA NUNCA VI MOTO IGUAL A ELA,A MINHA É SHOW NAO TEM HARLEY PRA ELA,NUMCA VOU DESFAZER DELA,MILLLLLLLLLLLLLLL.VEZES ELA DO UMA HARLEY…SO NOME….

  • Drag 07/08,4900km, escape esportivo, guidon Vbar torbal, sissy bar, banco carona confort, peças originais guardadas. Vendo R$ 23.000,00 – motivo mudança para o exterior. Muito nova. Tel. 24-8816-0880 celsobada@gmail.com.

  • Quase coinsidência, sou de 09/04, estou pagando um consórcio p/ pegar uma DS, sou do RS, vou buscar em Campinas, melhor preço. estou tocendo p/ ser contemplado até meu aniversário. Abraços, Erlon

  • Senhores, fiquei 15 anos sem pilotar uma moto e, em maio desse ano, adquiri um Drag Star. Excelente moto, como estou com ela a pouco mais de 4 meses gostaria de saber a opinião de vocês. Estou até pensando em troca-la por uma HD XL 883R. Grato

  • Eu tive uma Drag 07 , fiquei 8 meses e vendi a pedido da esposa que queria uma HD , comprei uma 883R linda mas tenho saudades da Drag acho q vou trocar dnovo pois a HD vibra demais o q nao ocorre com a Drag . Passei pelo clube HD e hja estou de saida a nao ser que a Fat Boy seja muito macia se nao volta pra Yamaha. Abçs

  • Tenho 01 drag star a 11 meses,troquei o banco do piloto e caro-
    neiro por bancos mais confortaveis,coloquei pedaleiras e bolha
    para tornar as viagens mais tranquilas.
    Minha moto tem 30.000 km rodados e minha opiniao sobre ela e a melhor possivel. Foram 11 meses de viagens dentro e fora do
    Brasil.Foi nota 10. O unico motivo de desaprovaçao e quando
    se precisa de 01 concessionaria para fazer revisoes,pois
    temos que agendar para sermos atentido 01 semana apos,mesmo assim ainda tem o problemas de falta de peças +
    falta de tempo. Isto sim e um desconforto para quem viaja e precisa fazer revisoes de 10.000 ou 15.000 km.

  • Olá pessoal! Bem estou começando a pouco mais de 2 mêses a pilotar moto, gostei muito e agora estou de olho nas motos estilo estradeira mas gostaria de saber se devo comprar uma Shadow ou Drag Star, e se a diferença em relaçao e as duas é muito grande, levando em conta a estabilidade, comforto, durabilidade….
    Obrigado pelo esclarecimento

  • Olá. adquiri uma DS agora, 0km e estou no início da minha pilotagem nela. sempre andei em moto pequena. gostaria de algumas dicas para aproveitar quanto à consumo, e uma melhor pilotagem.
    achei ela macia inicialmente. gostei muito.
    abraços

  • Parabéns Fabrício pela conquista, que seja feliz com a nova máquina. Estou vidrado na DS, tenho titan 150 2008, sempre andei de moto pequena, mas ainda vou ter que esperar mais um pouco, mas eu chego lá!
    Abraços a todos!!

  • Tenho minha Drag desde 2006 ja rodei 52.000 km , atualmente estou com problema no cardã , fiquei sabendo que se o rolamento traseiro (do lado da lona) desgastar tras grave problema no cardã , assim sendo não ha como reparar e o custo do mesmo é de acima de R$ 3.000,00 é isso mesmo , por causa de um rolamento de 130,00 o estrago é grande , pergunto e os engºs da Yamaha não se atentaram a este fator???

  • Tenho uma DS 2008, ao entrar no portão arranhei as duas ponteiras das manoplas, não encontro na concessionária; só por encomenda e um custo de R$ 100,00; conhecem similar.

  • Alo a tds, comprei uma D S em 29/10/2009, como tds falam bem, vou arriscar.
    Na minha primeira viagem com a moto na metade do caminho a danada quebrou, ou seja, nao tem partida eletrica, fui guinchado ate Osasco.
    Porem, com minha virago 250 rodei muito por ai e nao tive problemas.
    Geralmente, a primeira impressao e a que fica, vou tentar devolver a mesma a loja e onde comprei.
    Perdi a confiança.

  • Olá a todos!!!
    Peguei um baitcha buraco com minha DS e o aro dianteiro entortou :(.
    Alguem tem um aro novo pra mim???
    Se souber onde encontro com bom preço agradeço!!!
    Um abraço…

  • Olá a todos,, com relação ao que o nosso amigo Edison disse, sempre faço manutenção preventiva e o descaso da Yamaha do Brasil com relação aos problemas com o cardan da drag star 650 é impressionante.. já tive 2 problemas, sendo um primeiro com um gasto de R$ 1.000,00 e agora com prováveis R$ 4.500,00. Simplismente o cardan moeu, sem contar o risco de queda pelo travamento da roda… é um absurdo a YAMAHA fingir que isso é excessão.. agora vejo quantas pessoas estão passando pelo que eu estou e quantas ainda irão passar.. fico indignado e pretendo ir pra frente com essa questão. Não podemos simplismente aceitar respostas automáticas de que já saiu da garantia,, isso é um absurso e caso de polícia.. abraços a todos.
    Valmir

  • Salve!! sou caprino e também tenho a ds motão no meu ponto de vista, adquiri no meu aniversário também ou melhor na véspera em novembro de 2008 talvez fora a última unidade fabricada pela yamaha mas tô nem aí, ainda bela e nova c/ 460km pouco viajada ou nem isso ainda, um ano e meio de pura alegria. Não trocaria por moto alguma time que tá ganhando não se mexe, moto toda vida sabendo usar respeitando os limites naõ vai ter problemas nunca. Já vi a drag passar do meu lado à 140km/h absurdo,absurdo,absurdo… nunca faria uma coisa dessa não é a proposta e nem existe estrada p/ isso, lá fora tavez tipo alemanha aqui esquece. Dois domingos p/ trás fui até a fazenda da comadre na tamoios o restante dos colegas dispararam na frente e eu a 90p/h tô nem aí devagar e sempre c/ certeza se enrolace o cabo iria a 140 também fui!

  • Possuo um DS650 desde mar/07, atualmente a valente moto está com 20.000Km. A moto é linda, super confortável (após alguns acessórios como banco do garupa e parabrisa).
    Prefiro mil vezes as macias DS, do que as duras HD.
    Problemas: Só tive um pequeno problema aos 5.000km com relação a vazamento de óleo pela cebolinha de neutro, onde no contato do óleo quente com uma peça PLÁSTICA, o retentor (o´ring) não consegue conter e se desgasta. Nenhuma solução proposta pela YAMAHA me agradou e resolvi o problema com mecânico particular. Problema solucionado com uma chapa de alumínio colada à peça plastica, para aguentar o calor. Concessionárias YAMAHA nunca mais, são boas só na hora de vender.
    Sobre esses problemas relatados de cardã, nunca vi um negócio desses… Não é falta de manutenção não? O óleo do cardã tem que ser trocado a cada 20.000km, ou uma vez por ano, conforme consta no manual. Aliás no manual consta que deve-se trocar o óleo do motor a cada 5.000km mas eu acho isso muito, um absurdo, troco no máximo a cada 2.000km.
    Velocidade: uma vez só, a coloquei entre 155-160km/h, e o consumo foi de 13km/l. Então mantenha-se no máximo entre 110-120km/h que considero a velocidade de cruzeiro ideal e o consumo ficará entre os 16-20km/l, desde que com o escape e regulagens originais de carburação, velas, etc.
    Resumo: cuide bem dela, que ela vai te tratar muito bem.
    De resto essa moto é só alegria: pegue sua bagagem, sua garupa e vai pra estrada que é o habitat natural das Drag.
    Abraços e boa sorte a todos!

  • Tenho uma Virago 535, ano 2000, e nunca tive problemas afora os decorrentes do desgaste naturas das peças. Acredito q a Drag seja a mesma coisa. Testei uma Drag qdo ainda era fabricada mas não quis trocar pela Virago que é mais ágil e rápida nas retomadas. Mas com certamente a Drag é melhor a Shadow. Sd’s

  • o meu DS 2005 com 40000km deu problema no cardam pois moeu todos os dentes. Consertei numa oficina particular com garantia de 6 meses mas aos 70000km deu o mesmo problema. Se eu quero um cardam novo a yamaha vende somente o conjunto de peças do cardam que custa 4000 reais acho um absurdo não poder vender a peça separada então cheguei numa conclusão de que devo andar numa moto com transmissão de corrente que é fácil de trocar e ganho na economia e dura bilidade. Abra o olho quando estiver com velocimetro na casa dos 40000km

  • Gostaria q alguem mandase o endereço de algunha oficina para recuperar o pinhão de minha drag, pois moeu tds os dentes (frezado) isso aos 32000km, poxa como a YAMAHA fabrica uma moto e ñ vende a peça q mais se desgasta e um abisurdo, aguardo um contato abraço.

  • caros amigos, estou vendo de algumas pessoas reclamarem da DS 650 , sou motociclista a 45 anos ja tive varios modelos de moto e todas ela tem algum pobleminha , pois as pessoas quando compram uma noto usada, a primeira coisa a ser feita é uma otima revisão, mas infelismente não acontece isso, só vao fazer quando quebra , ai vem a choradeira, no caso DS estoura um pinhão, por falta de oleo , ou o rolamento esta muito gasto, e tambem tem uma cruzeta na ponta do cardam ,que vai graxa , mas muita gente não0 sabe disso, e ai acontece sempre o pior não é mesmo , tenho uma drag 650 e como conhecedor de motos estou muito feliz com ela ,é uma puta moto, pode confiar na estrada ou na cidade , não tenho nada a reclamar,estou muito contente com ela , me surprendeu, agora quem precisar alguma manutenção, tem um mecanico muito bom e conhece bem a drag é na Barão de Limeira,esquina com Duque de caxias, pode confiar , um abraço a todos dragueiros.

  • Pow! velho minha Drag está com mais de 100000 ando com ela igual moto táxi…até hoje só deu um problema no stator e foi logo no 1o ano…. Daí teve que fazer o rolamento ou coisa parecida…. Já estou indo para o sexto ano…e tamos aí…

  • Pra dizer que não falei mal da Drag. Ela só tem 3 defeitos: o banco do carona (pq não se encontra um modelo bonito pra substituir aquela coisa dura) e o velocímetro colado no tanque (baixo demais pra quem gosta de olhar velocidade) e o preço (problema crônico no Brazil para qualquer veículo).

Deixe um Comentário