Motos e Bikes

Tabela para a regulagem do SAG da suspensão de sua moto

SAG é a abreviação de suspension adjustments gap, que poderíamos traduzir como a diferença de ajuste de suspensão. O SAG é responsável pela altura e “dureza” da suspensão, seus valores variam conforme o uso para qual a moto será destinada, quanto menor esse valor mais rígida será a suspensão.

SAG – TRASEIRA
1 – Com a moto sobre o cavalete#cavalete de moto, definir 2 pontos para medição que formem uma linha imaginaria, o mais perpendicular possível com o solo, (ex. : eixo da roda e paralama#paralama de moto). Após definidos os pontos, marque-os.

2 – Ainda com a motocicleta no cavalete, medir a distancia entre os 2 pontos e anotar (D1).

3 – Retirar o cavalete, e colocar o piloto (com equipamento completo) em pé sobre as pedaleiras, (para street-bikes piloto em posição de pilotagem) e com um movimento de compressão, exercer peso sobre a suspensão, e deixa-la retornar o mais lentamente possível, então medir e anotar (D2).

4 – Novamente na mesma situação, exercer peso sobre a suspensão, e deixa-la regressar normalmente, então medir e anotar (D3).

5 – Achar o ponto médio entre D2 e D3 e anotar (PM).

6 – Logo, da medição inicial D1 subtrair o PM para saber o SAG exato.

Exemplo:
PM = ((D3-D2) / 2) + D2
SAG = D1 – PM

VALORES DE EXEMPLO:
D1 = 67
D2 = 54
D3 = 60

Aplicando:
PM = ((D3 – D2) / 2) + D2
PM = ((60 – 54) / 2 ) + D2
PM = (6 / 2) + D2
PM = 3 + 54
PM = 57

Agora aplicando:
SAG = D1 – PM
SAG = 67 – 57
SAG = 10 (Perfeito)

A diferença entre D2 e D3 é devido ao atrito das partes moveis, como buchas, links, rolamentos etc. Se esta diferença é superior a 100mm, revisar a suspensão. Nas motos off-road (motocross-enduro), o SAG deve estar em torno de 95 – 100 mm, para supercross esta diferença deve se de menos 5 mm. Lembramos que para ajustar o SAG devemos atuar sobre a PRE-CARGA da mola ou seja, se o SAG apresentado, é Maior que 95 – 100mm devemos AUMENTAR a PRE-CARGA da mola Se o SAG apresentado é Menor que 95 – 100mm devemos DIMINUIR a PRE-CARGA da mola Em motocicletas com suspensões de pequeno curso, (ex.: DT200, XR200) o SAG deve ficar em torno de 25 a 30 % do curso total. Em street-bikes SAG 25 a 35 mm. Em pista SAG 20 a 30 mm

SAG – DIANTEIRA
Proceder como na traseira, somente as medidas são diferentes. Motocross, Supercross, Enduro 75 a 85 mm A media entre D2 e D3 deve estar em torno de 15 a 20mm, se apresenta maior que 30, revisar a suspensão. Em motos com suspensão de pequeno curso (ex.: DT200, XR200) o SAG dianteiro deve estar em torno de 25% do curso total Em street-bikes 25 a 35mm. Em pista 20 a 30mm

SAG – LIVRE TRASEIRA
Após ajustar o SAG, agora vamos checar o SAG-LIVRE, o que nos ajuda a comprovar se estamos usando uma mola ideal para o peso do piloto.

1 – O primeiro procedimento é abrir todo o retorno (rebound), logo então colocar a motocicleta sobre um cavalete e medir a diferença entre D1 e D2, anotar .

2 – Retirar a motocicleta do cavalete, e SEM piloto, exercer força sobre a suspensão e deixa-la voltar normalmente, medir novamente (D3) SAG-LIVRE = D1 – D2 O SAG-LIVRE deve estar em torno de 15 a 25mm para as motos de motocross, supercross e enduro. Nesse caso se o SAG-LIVRE apresentado é: MENOR que 15mm necessitamos montar uma mola MAIS DURA (RATE MAIOR). MAIOR que 15mm necessitamos montar uma mola MAIS MOLE (RATE MENOR). Para as street-bikes e pista deve estar entre 0 e 5mm. Em motocicletas de pequeno curso deve ficar em torno de 5% do curso total. Como na dianteira não temos exatidão na medição do SAG-LIVRE, e já que nas motocicletas modernas a variação do Angulo de Caster é insignificante (exceto algumas cruiser e chopper), temos já predeterminadas tabelas que indicam as molas#molas de moto dianteiras ideais para cada piloto.

Via Revista Duas Rodas (ctrl C + ctrl V)

Compartilhe nas redes sociais:

Incluir comentário

Deixe um Comentário