Marcas e Mascotes

Bayer | História da Marca

A Bayer iniciou suas atividades no dia 7 de agosto de 1863, numa modesta casa, no vale do rio Wupper, Alemanha, onde o comerciante de corantes Friedrich Bayer e o mestre tintureiro Johann Weskott instalaram uma pequena fábrica para produzir corantes artificiais para tingimento de tecidos. A empresa foi registrada na Junta Comercial do município de Elberfeld, com o nome de “Friedr. Bayer et Comp.”

O crescimento da empresa se deu rapidamente. No dia da abertura contavam apenas com um empregado, no fim do ano já havia um total de doze colaboradores. Apenas um ano e meio depois, a Friedr. Bayer & Comp. já participava da primeira fábrica de corantes à base de alcatrão nos Estados Unidos – em Albany, no Estado Federativo de New York – fornecendo produtos intermediários para a fabricação de corantes, para além-mar. Em 1867, contando com 50 empregados que produziam 125 Kg de fucsina por dia, comercializava-os em quatro escritórios de venda, três na Alemanha e um na Basiléia, na Suíça.

Com o início da produção de alizarina, um corante cristalino vermelho-alaranjado, em 1872, a participação do mercado foi ampliada mais ainda. Quando a empresa, em 1873, completava 10 anos de existência, criou-se para os colaboradores uma caixa assistencial que, doze anos depois, foi permutada em instituição de prevenção médica hospitalar. Em 1876 iniciou-se em Moscou a primeira produção própria no exterior. Em porão alugado, equipado com misturador manual, produzia-se alizarina.

Após o falecimento dos fundadores da empresa, os dirigentes da companhia decidiram transformá-la em Sociedade Anônima. Foi desta forma que se constituiu, no ano de 1881 a “Farbenfabriken vorm. Bayer & Co.”, uma Sociedade Anônima com capital inicial de 5 milhões de marcos, uma empresa já em franca expansão, com várias fábricas e 384 empregados, dos quais 14 químicos. A empresa engajava-se fortemente no mercado mundial, comercializando seus corantes nas mais importantes metrópoles da industria têxtil, na Europa e nos Estados Unidos. A Aspirin foi patenteada pela empresa em 10 de outubro de 1897.

O químico Felix Hoffmann, com a ajuda do professor Heinrich Dreser, sintetizou o ácido acetilsalicílico para aliviar as dores reumáticas do seu pai. O nome Aspirin vem dos composto usados na fabricação do remédio: “A” de Acetil, “SPIR” da planta Spirea (de onde era retirada a Salicin) e “IN” um sufixo comum para medicamentos. Em 1899, a Bayer distribuiu Aspirin para os médicos darem aos seus pacientes. No ano de 1912, a empresa escolheu a cidade de Leverkusen para ser sua sede. Com a Primeira Guerra Mundial, a empresa sofreu grave prejuízo em suas exportações, passando por um período muito difícil.

A empresa criou em 1922 um dos slogans mais conhecidos da propaganda brasileira: “Se é Bayer, é bom”, mensagem que sobreviveu e atravessou gerações de brasileiros e é usada até os dias de hoje no Brasil e em países de língua espanhol: “Si es Bayer, es bueno”.

Na década de 30 a empresa desenvolveu e descobriu várias substâncias importantes na área da química e da medicina. Em 1967 a empresa lança o inseticida Baygon. Em 1973 a substância Clotrimazole foi registrada na Alemanha e lançada na mercado com o nome Canesten. O medicamento era utilizado para combater micoses e fungos. Em meados da década de 80, o repelente AUTAN, que havia chegado as lojas alemãs em forma de loção alguns anos antes, alcançava a liderança de mercado em países como Brasil, Grécia, Espanha, Áustria e Inglaterra. A empresa ainda é proprietária da marca Alka-Seltzer, medicamento contra azia e queimação estomacal inventado em 1931 e do tradicional Leite de Magnésia de Phillips, inventado em 1873 pelo inglês Charles H. Phillips.

Curiosidade
• Hoje, o grupo atua globalmente, com mais de 350 empresas nos cinco continentes, como indústria química-farmacêutica, oferecendo ao mercado uma ampla gama de produtos e serviços que abrange os campos da saúde humana e animal, alimentação, plásticos, especialidades químicas, proteção das plantas e produtos de consumo.

Fonte: Mundo das Marcas (copy + paste)

Compartilhe nas redes sociais:

Incluir comentário

Deixe um Comentário